As duas transformações do Yoshiro


No livro básico do RPG, temos um resumo da história do Yoshiro. E dentre as habilidades que ele aprende, temos duas transformações: a Lágrima do Sangue do Ódio e a transformação do Leão Branco (que também pode ser chamada de Transformação Andere). Ambas aumentam muito o poder do protagonista, mas possuem formas diferentes de agir.

A primeira, o personagem aprende quando encontra-se com Isac, o líder do Culto Escorpião (Yoshiro RPG Livro básico página 133) cujo em um ritual, liberou uma tranca posta pelo próprio pai dos kansarianos, permitindo-os serem consumidos pelo ódio e através disso, receber um grande poder. Na ocasião, Yoshiro o fez para ter chances de vencer Telepatuos, o maior paranormal do mundo.

Não vou entrar em detalhes históricos sobre as vezes o que aconteceu com Yoshiro ao usar tais transformações, mas sim, vou dar dados mais técnicos. Quando o usuário passa por esse ritual antigo, na qual, Yoshiro passou nas mãos de Isac e tem a tranca natural do seu poder aberta, qualquer emoção muito forte ao ponto de não saber se chora de tristeza ou se inclina para a raiva, o motivam a serem consumidos por tal transformação. Mas não se enganem que funciona toda vez que ficar "com raivinha"!

Não adianta se enfurecer propositalmente para poder usufruir do poder oculto. O kansariano precisa estar com a Força Máxima ativada e a ainda assim, presenciar nesse estado, algo que o faça que seu emocional fique muito abalado (tem que ser alguma coisa que realmente mexa com a pessoa). Assim, o mestre de Estilo irá perder a razão e partir para cima de seu alvo até que ele morra ou seja impedido. Na maioria das ocasiões, os kansarianos se tornam bestas e só param quando o objeto do seu ódio é destruído - porém, há ocasiões que o indivíduo aprende a sair dessa forma bestial - usando seu poder oculto, mas não sendo levado a ser um "demônio cheio de ódio". Nesses casos, essas pessoas podem escolher se transformar como um recurso a mais, mas precisa ter certa experiência, além de ser alguém que se acostumou com as dores e as marcas deixadas pela vida.

Yoshiro aprendeu a dominar a Lágrima do Sangue do Ódio perto do fim da história, quem leu o livro básico do RPG entendeu como foi o processo.

A Lágrima do Sangue do Ódio consiste numa transformação que pode mudar a cor dos cabelos, cor dos olhos, e até mesmo a cor da pele! Cada pessoa tem uma forma diferente. A do Yoshiro por exemplo, é escurecer seus cabelos; No RPG de mesa, há uma vantagem que permite aos jogadores oferecerem esta habilidade aos seus personagens! Ela é bastante poderosa, mas...

Após usá-la, o kansariano entrará em sono profundo que o deixará até duas semanas nesse estado. Uma espécie de coma, na qual, nada irá acordá-lo. E nem mesmo seu Estilo aparecerá para salvá-lo caso alguém queira ceifar a sua vida! Por isso que para aqueles que o dominaram, só o usam como último recurso!

Agora vamos falar um pouco sobre a transformação do Leão Branco, aquela que é vinda do Andere. No início da história, principalmente no livro de RPG, é citado sobre o Estilo Andere - que é o Estilo protetor de uma família. Cheguei a falar como ele é invocado no livro e não vou repetir! Mas é algo que só pode ser dado e não através de rituais como no caso da Lágrima do Sangue do Ódio. Yoshiro recebeu de seu pai, que veio através do sacrifício do seu poder.

Diferente da transformação anterior, ele tem total controle e recebe um poder oculto muito maior. Sua aparência fica um pouco mais animalesca, cujo seus dentes caninos crescem além de seus cabelos, que ficam brancos e em formato de uma juba - lembrando que o Andere que protege a família Katsura é um Leão Branco. Quando Yoshiro assume esse poder, o Andere toma o corpo do seu Estilo anjo - assim o transforma temporariamente em Leão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário